Categorias
Blog Digital

Como criar apresentações que encantam

Por Márcio Okabe

Quem se recorda das profissões de calígrafo, digitador, tipógrafo, desenhista-técnico manual, etc.? É fato que na medida que a tecnologia avança novas profissões surgem, enquanto velhas profissões somem.

O Marketing Digital criou um novo mercado de profissionais especialistas em AdWords (anúncios do Google), Redes Sociais, Facebook Ads, Web Design, etc.

O Prezi tem sido confundido apenas como uma ferramenta “melhor do que o PowerPoint” para fazer apresentações. O fato é que o Prezi pode interferir em muitas profissões e gerar oportunidades para as pessoas mais atentas.

No post “Como se tornar um excelente apresentador” você verá que existem 3 pilares de competências: Roteiro/Conteúdo, Design e Oratória (Apresentador).

Tenho visto MUITAS pessoas falarem que já aprenderem a usar o Prezi e que não precisam mais fazer o curso de “Apresentações de Alto Impacto com Prezi”. A verdade é que de forma auto-didata é simples aprender como inserir imagens/vídeos, montar os passos (PATH) e criar o fluxo da apresentação em Prezi. Porém, há muito mais em uma boa apresentação do que simplemenste “colocar o conteúdo”.

Neste post, irei fazer algumas observações e provocações para algumas profissões que vejo grande potencial para agregar mais valor com o Prezi.

  • Roteiristas – Uma das etapas mais importantes de uma apresentação é a elaboração do ROTEIRO. Roteiristas de vídeo ganhariam MUITO em aprender a usar o Prezi, pois as demandas de um vídeo e uma apresentação são muito parecidas.
  • Videomakers – Um Prezi bem elaborado pode ser utilizado para criação/edição de um vídeo.
  • Designers – A parte visual do Prezi é fundamental, sendo necessário escolher boas imagens, criar ilustrações, tratar fotos e pensar no mapa visual da apresentação. Os designers poderiam aumentar seu leque de serviços fazendo planejamento de identidade visual do Prezi ou de toda elaboração gráfica.
  • Artistas – Seja a área do artista, ele precisa apresentar sua obra de forma cativante. Um exemplo são as obras de Manabu Mabe que é um dos pintores brasileiros mais famosos. Elas poderiam ser apresentadas em forma de Prezi.
  • Web designer – O Prezi permite ser incorporado facilmente em sites. Infelizmente, vejo poucos web designers participando dos meus cursos de Prezi. Há uma grande diversidade de aplicações do Prezi em um site: Apresentações institucionais (ver SBAP – Sociedade Brasileira de Apresentações Profissionais), produtos, serviços, conceitos, etc.
  • Fotógrafos – Com a evolução das câmeras digitais e do uso cada vez menor da revelação de fotos, esta é uma das profissões que sofreram mais impacto com as mudanças da tecnologia. O Prezi pode ser uma boa oportunidade para o fotógrafo pensar em novos serviços.
  • Jornalistas – Outra profissão que vem sofrendo grandes mudanças com a evolução da comunicação digital – blogs, Facebook, Twitter, etc. O jornalista poderia usar o Prezi para criar matérias mais ilustradas que contem o fluxo da história a ser contada com fotos e vídeos. Também poderia usar para compartilhar a edição da matéria de forma mais visual. A maior parte dos jornalistas ainda está no paradigma de escrever “textos” e não migrou para o conceito multimídia. O que impede um jornalista de ter seu canal pessoal no Youtube?

 

Qual a sua profissão?

A questão maior que temos que pensar é que a internet, a mobilidade e as novas tecnologias estão mudando completamente as regras do jogo, principalmente para profissões da área de comunicação, marketing e design. A verdade é que o modelo mental das PROFISSÕES está muito ligado à revolução industrial com horários rígidos de trabalho e dedicação a UMA profissão.

Nos tempos atuais, termos como Economia Criativa, Geração Y, Cocriação, Cloud computing, Mobilidade, Conectividade e muitos outras palavras não combinam mais com a antiga conotação de PROFISSÃO.

Encontrei uma frase bem legal de Antoine de Saint-Exupéry.

“A grandeza de uma profissão é talvez, antes de tudo, unir os homens: não há senão um verdadeiro luxo e esse é o das relações humanas.”

Este ano, eu descobri que minha “profissão” preferida é ser um NETWEAVER que são “tecelões” que ajudam construir redes de confiança e conectar pessoas tem torno de uma rede-mãe. No meu post “A Matrix existe?” eu comento o livro “Hierarquia – A Matrix realmente existente” de Augusto de Franco.

Acredito que com a SBAP e o PREZI iremos criar uma rede de pessoas que amam o que fazem e que querem sair da “Matrix”. Porém, como toda profissão precisa de um nome, que tal se tornar um PREZER?

 

Confira o vídeo da palestra:

 

Confira o Prezi “Prezi vs PowerPoint”?

Se quiser aprender como criar apresentações de alto impacto com Prezi, visitem o site.
http://sbap.com.br/cursos/apresentacoes-de-alto-impacto-com-prezi

Por Daniel Zollinger Chohfi

Daniel Zollinger Chohfi é empresário, publicitário, e ajuda empreendedores a construírem seus negócios com a internet.

Há mais de 15 anos no mercado, já foi dono de agências de marketing digital no Brasil, morou nos EUA, e é editor-chefe do Vitamina Publicitária, eleito como um dos melhores blogs de marketing pela Hubspot. Recentemente foi destaque na Copyblogger, considerada a bíblia do marketing de conteúdo pela VentureBeat.

Comente: