Categorias
Blog Social Media

Cuidado! Esse POST pode se tornar um viral em 5, 4, 3, 2…

O viral é o novo fale bem, fale mal, mas falem de mim. Os virais em potencial, todos eles, tem os seus fãs, que adoram, compartilham, comentam, fazem graça e os que odeiam (famosos haters) que fazem sempre o possível para chamar até mais atenção que o próprio viral.

O Marketing Viral transforma ótimas oportunidades em poderosas estratégias. Pode ser uma foto bizarra, um vídeo engraçado, um novo meme… Não importa, o que realmente importa é direcionar esse conteúdo para o público-alvo correto (Leia-se: fãs que adoram, compartilham…). Esse é o pote de ouro no final do arco-íris, porque são eles que influenciam o compartilhamento espontâneo de pessoa para pessoa. E uma campanha como essa permite velocidade na obtenção de resultados e interatividade praticamente em tempo real.

São inúmeros os exemplos de cases de sucesso que utilizaram virais. No caso da Nissan e seus pôneis malditos, as vendas cresceram; Felipe Neto e PC Siqueira depois de se tornarem famosos vloggers, conseguiram contratos em emissoras de TV. Enfim…

As empresas precisam saber como se posicionar, o que publicar nas redes, para quem destinar seu conteúdo e principalmente, devem se comunicar com o target depois que o buzz foi criado, seja ele positivo ou negativo.
Esse é um dos mais novos vídeos do Felipe Neto. O assunto? Propaganda.

Alguma chance de se tornar um viral?!

Existem hoje em dia incontáveis tipos de Redes Sociais, para todos os gostos e estilos. Quem dita como o viral vai surgir e como ele se comportará na rede é a sua criatividade e, claro, os que falam bem, os que falam mal e os que falam de mim.

 

Comente: