Categorias
Blog Variedades

Fica, vai ter MEME, bebê!

Vamos começar definindo o conceito de Meme: “(…) uma unidade de informação que se multiplica de cérebro em cérebro (…)” tirei isso do Wikipedia, pois é uma das definições mais concisas e certeiras que eu já li. Podemos dizer que hoje, meme, é o que faz sucesso na web! (Cuidado, sucesso é diferente de viral)
É importante ressaltar que o Meme não é só as tirinhas encontradas pela web, pode ser um texto, um áudio, vídeo, enfim, qualquer coisa que alcance os trends da cibercultura.

Temos diversos exemplos de memes como o “Fica, vai ter bolo!”, criado pelo publicitário Gustavo Braun (@braungustavo). Essa frase, normalmente, é utilizada pelas vovós! (ho, que fofo!)

4chan, o revolucionador! A tirinha “forever alone” foi postada no 4chan em 2008. A galera curtiu, espalhou e por isso se tornou um Meme.

Quer uma aula rápida de como surge um meme? Então vamos lá! Tudo começou em um dia comum onde o Jornal Hoje pretendia reportar uma notícia sobre o estado do ex-presidente Lula …

“QUE DESELEGANTE!” foi o bordão utilizado pela jornalista Sandra Annenberg que em poucos minutos atingiu os trends no Twitter e começou a ser espalhado pelas mais diversas plataformas sociais! Nas primeiras horas o termo “que deselegante” foi citado mais de 1.500 vezes, veja:

 

Segundo o YouPix, ainda não memetizou, mas tem grandes chances de se tornar o mais novo meme da interwebz!

Crédito: Blog Jesus Manero (http://jesusmanero.com)

Nós também temos um exemplo de “quase meme” na publicidade:

Conhece mais exemplos? Então coloca ai nos comentários pra gente dar uma olhadinha! 🙂

 

Comente: