Categorias
Blog Publicidade

Inteligência emocional é o grande segredo para alavancar a carreira

Muitas coisas no dia a dia podem nos tirar do sério. Vivemos em tempos distintos, onde tudo ocorre de forma rápida e dinâmica, as pessoas estão assumindo cada vez mais responsabilidades e tudo isso acarreta em uma carga muito grande de estresse. Ou seja, convivemos com muito mais problemas hoje do que antigamente e é preciso estarmos muito bem preparados para poder reagir melhor a eles e sem grandes arrependimentos lá no futuro.

O quanto o mundo te abala hoje? 

A grande maioria das pessoa diria, MUITO. E elas tem toda razão…

Somos “atacados” por diversos problemas o tempo todo, seja no trabalho, na faculdade ou mesmo em casa.

E como você vem reagindo a eles?

Problemas todos nós possuímos até porque alguns deles são mesmos inesperados. Mas, o que difere uma pessoa moderada e pés no chão, daquele que é totalmente explosivo e impulsivo?

Justamente são os seus atos. Lembra da lei de Newton? Toda ação vem sempre acompanhada da reação.

Então, tem pessoas que possuem uma melhor habilidade em lidar com os problemas, chamamos isso de inteligência emocional, já outras agem mesmo por impulso cometendo muitos erros e em algumas vezes podendo até vir a se arrepender mais tarde.

Em qual dos perfis você se encaixa HOJE? 

Cuidado, ser explosivo e impulsivo pode não te deixar a chegar ao sucesso e a realização que tanto você deseja. Não queira meter os pés pelas mãos…

Pensando em tudo isso, cheguei a conclusão de que dois pontos fundamentais podem nos levar a ter uma melhor inteligência emocional, são eles: a interpretação do fato no primeiro momento e a sua reação frente a ele.

Interpretação:

Você pode começar por analisar diferentes pontos de vista frente ao mesmo problema. O ver como algo péssimo e mesmo horrível, se fazendo de vitima e coisa que a grande maioria faz mesmo, ou o ver pelo lado positivo, aprendendo com aquela situação, tirando o melhor proveito pra si.

A maneira como interpretamos o problema fará enorme diferença em como iremos reagir com ele mais tarde.

Reação: 

Pós saber se aquilo irá me afetar de forma positiva ou negativa, agora sim vem a reação. Na reação poderemos pensar nas muitas conseqüências que aquele mesmo ato poderá nos atingir.

Essas são duas dicas simples que aprendi e que tem feito muita diferença para que eu possa ser um profissional e um ser humano melhor.

Esquece logo aquela “explosão” toda do momento vivido e comece por analisar melhor a situação antes de reagir. Assim evitará muitos erros tolos e que muitas vezes não tem como voltar atrás…

Vamos lá você consegue ser bem melhor que isso, borá???

Foto da cabeça via Shutterstock.

Por Bruno Perin

Empreendedor, palestrante e escritor. Entre em contato via Linkedin, Slideshare, Youtube ou acesse www.brunoperin.com.

Comente: