Categorias
Blog Social Media

Confiança no Marketing de Conteúdo

As pessoas não confiam no conteúdo que sua marca produz. Confira como resolver esse problema

O marketing de conteúdo tem um grande problema de credibilidade.

Como o volume de conteúdo produzido e publicado por marcas continua aumentando, é mais importante do que nunca que seu conteúdo faça uma conexão realmente significativa com a audiência.

Mesmo conteúdo original criado pela marca sendo uma ótima forma de se conectar, nem sempre é a melhor maneira de influenciar a sua opinião.

O fato é que as pessoas confiam em outras pessoas, e não nas marcas.

Mesmo quando estranhos estão postando comentários e opiniões online, o nível de confiança é de 70% todo tempo, contra o marketing de conteúdo, que tem a confiança do usuário apenas 30% do tempo.

abismo-conteudo-700x410

Como resolver o problema da confiança?

O marketing de conteúdo deve ser mais do que apenas um conteúdo original sendo produzido pela sua marca.

A curadoria de conteúdo vem cada vez mais desempenhando um grande papel em cada estratégia de marketing de conteúdo.

Considere esta comparação da Papa Johns.

papa-johns

A postagem de @abeyta1988 no Twitter falando sobre como a Papa Johns traz sua família para a mesa é muito mais poderosa do que qualquer tweet original que eles poderiam postar.

Um depoimento positivo é o melhor conteúdo que você pode criar.

O nível de confiança é muito maior em ouvir a experiência de uma pessoa real do que ouvir a Papa Johns falando de si.

A melhor parte sobre isso é que os comentários e opiniões de usuários estão prontamente disponíveis e, ao contrário de conteúdo original, não tem que ser criado a partir do zero.

Uma simples pesquisa por qualquer empresa ou nome do produto dominante no Twitter, Facebook, Instagram, e outros canais sociais fará surgir toneladas de menções.

A maioria das marcas já está monitorando essa conversa usando ferramentas de análise social. O próximo passo é reusar os melhores comentários de usuário para o marketing de conteúdo.

A maneira mais fácil de fazer isso – coisa que muitas marcas já estão fazendo – é se envolver com esses clientes através de canais sociais.

Compartilhe as boas menções à marca e agradeça ao autor. Responda ou reposte o conteúdo dos fãs da marca.

Aprenda através do tweet do Papa Johns acima e você poderá ver que eles estão definitivamente já está fazendo essa parte também.

Use o conteúdo de marketing gerado pelo usuário

As interações sociais são importantes, mas as marcas têm um porta-voz maior do que apenas os canais sociais.

Um ponto poderoso do conteúdo gerado pelo usuário está em ganhar a confiança e esse deve ser o ponto central de comunicação da marca.

Se você está fazendo bem a mídia social, já está interagindo com os clientes e respondendo suas questões. Você já está monitorando o que as pessoas estão dizendo online.

O próximo passo é colocar o conteúdo do usuário para trabalhar como parte integrante de seu programa de marketing de conteúdo.

___

Este artigo foi adaptado do original, “Content marketing trust gap”, do bazaar voice blog e traduzido em “O abismo da confiança no marketing de conteúdo” do The Growth Hacker. Foto que inspira confiança via Shutterstock.

Por Daniel Zollinger Chohfi

Daniel Zollinger Chohfi é empresário, publicitário, e ajuda empreendedores a construírem seus negócios com a internet.

Há mais de 15 anos no mercado, já foi dono de agências de marketing digital no Brasil, morou nos EUA, e é editor-chefe do Vitamina Publicitária, eleito como um dos melhores blogs de marketing pela Hubspot. Recentemente foi destaque na Copyblogger, considerada a bíblia do marketing de conteúdo pela VentureBeat.

Comente: